Santigo & Cintra

Olá, Visitante
Cadastre-se

Trimble
xmobots
senseFly
Irrometer

Problemas na colheita mecanizada de cana

noticia-geo-agri_89.jpg

Uma das principais causas dos “problemas” diz respeito à qualidade da operação.

Perdas de matéria-prima e quebras do equipamento. Estes são dois graves problemas na colheita mecanizada de cana. Mas quais são as suas causas? De acordo com especialistas, pode-se pontuar da seguinte forma: 28% destes problemas decorrem da operação, 32% são resultados do terreno (topografia, sistematização etc), 20% são de responsabilidade da manutenção, e 20% referem-se à colhedora. Destacando que esses números podem variar de região para região e até mesmo de usina para usina.

Uma das principais causas dos “problemas” diz respeito à qualidade da operação. Por isso, é importante o operador do equipamento estar atento a diferentes questões, como à velocidade de deslocamento, ao RPM que está sendo empregado na colhedora, à correta regulagem, à pressão do corte de base, além de realizar verificações diárias do material de desgaste e evitar colisões em manobras e deslocamentos. A solução passa por treinamentos, reciclagem e trabalho forte de conscientização dos operadores sobre os cuidados que devem ter com a máquina e com a lavoura.

A usina tem que se preocupar com a capacitação do operador e com sua conscientização na condução da máquina. Se, por exemplo, não estiver na velocidade de deslocamento selecionada, o índice de quebra é alto. Com melhor capacitação, os recursos disponíveis nos equipamentos serão ser melhor aplicados pelos operadores.

 

Font: CanaOline